quarta-feira, 4 de março de 2015

Um dos privilégios que sinto por ser psicóloga é conhecer pessoas extraordinárias mesmo antes de elas saberem (ou acreditarem) que o são ou mesmo quando já se esqueceram que o foram...


Enviar um comentário