quinta-feira, 7 de maio de 2015

Sentir - Semear para crescer


Este sábado irei dinamizar este workshop para Pais...

A Pomar de Braços é uma equipa de saúde mental comunitária que desenvolve a sua intervenção no concelho de Alcobaça, a partir da Clínica Sra da Conceição.

É uma equipa multidisciplinar constituída por várias psicólogas com diferentes áreas de intervenção, um psiquiatra e uma técnica de serviço social. 

O principal objectivo da sua intervenção passa por facilitar o acesso da população a cuidados diferenciados nesta área, assegurar o desenvolvimento de recursos para lidar com o desconforto emocional, prevenir o desenvolvimento de quadros de perturbação psicológica e promover a saúde mental nas diferentes fases do desenvolvimento.

A Equipa da Pomar de Braços irá realizar nova actividade criativa, para pais e crianças (6 aos 12 anos) no próximo sábado, dia 21 de Março das 14h30 às 16h, na Clínica Sra da Conceição, em Alcobaça, para a qual desde já o convidamos a participar! Neste dia da árvore vamos SEMEAR em caixinhas (e dentro de nós) para levar para casa e cuidar do nosso jardim. Sementes de sentir que depois irão crescer.
A actividade será orientada pelas psicólogas da equipa, Catarina Grosso, Iris Guerra, Inês Vinagre e Alexandra Carvalheiro.


Sentir...SEMEAR para Crescer

Todos os dias ESCOLHEMOS quais as espécies emocionais que queremos SEMEAR no nosso interior e, uma vez tomada a DECISÃO, damos vitaminas (adubo)...para CRESCER.

Podemos identificar 4 EMOÇÕES principais.
A Zanga, a Tristeza, a Alegria, o Medo podem ser semeadas dentro de nós, mas quando uma delas cresce a outra diminui, porque repartem o mesmo espaço emocional. Podemos pensar todos juntos o que fazer com cada uma das 4...porque as sentimos, como as sentimos, quando as sentimos e o que provocam?

E nos nossos filhos... Que emoções permitimos que floresçam? O que sentimos a cada momento como pais e o que gostariamos de passar a sentir mais? Saberemos regular ou tolerar a existência de tantas espécies diferentes no nosso jardim?

Nesta actividade para pais e crianças vamos descobrir... Que emoções identificam, pais e crianças, dentro de si e que reconhecem nos outros? Será que estamos a saber cuidar de cada uma? Qual a que aparece mais...qual gostariam que aparecesse..como gostariam que ela aparecesse...sentem-se satisfeitos com as vossas emoções...?
O que percebem que acontece com a zanga...e quando sentem alegria...e medo...e tristeza...o que muda e o que fica igual...qual a utilidade então?
Enviar um comentário